Com a aprovação da Emenda Modificativa ao Projeto de Lei Complementar 13/2018, que altera a tabela remuneratória da carreira dos Profissionais do Magistério Público Estadual, pelos deputados estaduais por Sergipe, a partir do dia 1º de dezembro deste ano, os integrantes do magistério da rede estadual terão recuperado no escalonamento do Nível Médio para Nível Superior o percentual de 6%.

Nos demais níveis, a recuperação na tabela remuneratória será de 7,5% para Pós-Graduação; 9,3% para Mestrado e 15% para Doutorado.

A tabela que garante 15% de recuperação da carreira do magistério no escalonamento vertical (níveis de formação) e no horizontal (1% a cada três anos totalizando 10% no final de carreira), foi aprovada no último dia 3 de julho durante Sessão Especial no plenário da Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese).

O Governo do Estado havia apresentado proposta com índice de 10%, mas representantes do Sindicato dos Trabalhadores em Educação no Estado de Sergipe (SINTESE), contestaram argumentando que “essa proposta geraria perdas para os docentes que possuem Doutorado”.

Por Aldaci de Souza – Rede Alese
Foto: Jadilson Simões