Umbaúba deu adeus ao ex-prefeito Wilson Cardoso Silveira



26/02/20 06h09   Estância e região Imprimir

Faleceu aos 76 anos, na última terça-feira, dia 25 de fevereiro, o ex-prefeito do municipio de Umbaúba, Wilson Cardoso Silveira. Wilson foi gestor da cidade no período de 1983/1988), vice-prefeito de 2000 a 2008 e, vereador da cidade nos mandatos de 1972 e 1976.

Dentro da sua trajetória profissional, trabalhou como ouvidor  do município, era funcionário estadual aposentado pela Empresa de Desenvolvimento Agropecuário de Sergipe (EMDAGRO). Um cidadão considerado por muitos como uma pessoa honesta que tinha zelo com o bem público.

 Seu sepultamento aconteceu nesta quarta-feira, dia 26/02, o velório ocorreu em sua residência, na fazenda Caldeirão s/n, do Povoado Matinha, em Umbaúba, de lá o corpo foi para sede da Câmara Municipal de Vereadores e partiu às 16h para o cemitério local.

Familiares, amigos, políticos do município e da região estiveram presentes dando último ao deus, ao pai, irmão, marido, avô, tio, padrinho, compadre e amigo. Wilson deixa 11 filhos, 26 netos e 2 bisnetos.  

 

Wilson Cardoso Silveira, natural de Arauá, nasceu no dia 17 de julho de 1943, filho de Manoel Cardoso das Virgens (também prefeito de Umbaúba, entre 1963 - 1967) e Maria Silveira Cardoso, tendo como irmão, Leilton Cardoso Silveira e José Wellington Alves.

Herdou do pai as habilidades para a gestão das propriedades agriculturas, bem como o interesse pela participação na vida pública, na qual passou a ser oficial, quando o mesmo tomou posse da posição de vereador nos mandatos de 1972 e 1976, junto a Câmara Municipal. Entre 1983 a 1988, foi eleito o 8º (oitavo) prefeito municipal de Umbaúba.

Quando a frente do poder executivo, viabilização a construção da sede municipal do Banco do Brasil e da Estação Telefônica (TELEGIPE), bem como a maternidade (Associação de Proteção a Maternidade e a Infância de Umbaúba), e algumas localidades voltadas para a pratica do esporte e interação entre a comunidade, como foi o caso do Campo do Independente e o Rotary Club de Umbaúba. No período de 2000 a 2008 foi vice-prefeito e ouvidor do município de 2008 a 2012 e encerrou sua vida pública como político honrado.

Folha da Região