A deputada estadual Kitty Lima (Cidadania) externou a sua preocupação com a falta de atendimentos no Posto do Ipesaúde localizado em Estância e apresentou uma indicação para a reabertura e retorno total das atividades no local. O documento foi aprovado na sessão da última terça-feira, 29, e segue para o gabinete da Presidência do Ipesaúde.

Kitty justificou que há muito tempo o posto não realiza atendimentos devido à péssima situação da sua infraestrutura, fazendo com que a demanda seja transferida para municípios vizinhos.

“A população assistida pelo Ipes não sabe de nada do futuro desse posto. Não há transparência e muitos temem que nunca seja feita uma reforma, mas sim uma total desativação. Isso prejudicaria muito a demanda que atualmente está reprimida em Estância e que está precisando se deslocar para outras cidades a fim de receber atendimento”, criticou a deputada.

Para que o problema possa ser contornado a curto-prazo, a deputada sugere na indicação que o posto seja reativado imediatamente. “Precisamos da reabertura para já, mas também queremos explicações e o devido esclarecimento sobre qual o objetivo da direção do Ipesaúde em torno daquele espaço”, concluiu.